Archive for abril, 2012

maradona carcará

maradona carcará

maradona rasgou um pé de vento
já pregado no bicho carcará

bem olhado num verso lá de cima
maradona el pibe tá e num tá

perguntado se a vida é pura rima
maradona responde: é o que há

se a rainha brigar com maradona
ele pega no umbigo inté matá.

romério rômulo

Anúncios

22 abril, 2012 at 5:11 am Deixe um comentário

pelos 2 o sertão já virou mar

pelos 2 o sertão já virou mar
(maradona e conselheiro)

o sertão, meu amigo, é um inferno
onde um anjo harpeja seu delírio
quando a terra lavada é o martírio
a grunhir a desgraça ao padre eterno

maradona rasgou a travessia
com uns gados de múltiplos talentos
suas pernas rugiram como os ventos
que ressaltam os sons da romaria
viva joão e josé, salve maria
num bagaço de vida e de tormentos

seus chamados ao cristo criador
às vestais, todas puras nas igrejas
já nascidas nos antros do calor
orações todas prenhes de assim sejas
conselheiro, secreto sonhador
fez chegar seus desejos de igualdade
numa luta de fé e de verdade
pra valer os milagres do amor

que coubesse um diabo relator
nos sertões de euclides, nas vontades
das mulheres, crianças, do terror
pela terra ao rolar das vaidades
no sentido final do que é amar

maradona e o antônio salvador
que fizeram volantes se amargar
batem bola nos campos do senhor

o sertão, pelos 2, já virou mar.

romério rômulo

15 abril, 2012 at 6:27 pm 1 comentário


Feeds

abril 2012
S T Q Q S S D
« mar   maio »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

RSS Fênix em Verso e Prosa

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.