quando o dia me chega destravado

29 dezembro, 2010 at 5:19 pm 4 comentários

quando o dia me chega destravado
conto os dados da noite, sou vinícius
carregado da musa, alagado
num tonel de artes e ofícios.

pulo um samba com baden, afro/samba
ouço a voz ruminar nos sodalícios
minha voz, toda ela, se descamba
a jogar minha voz nos precipícios.

minhas asas tão verdes, sem um prumo
fazem parte do corpo como grito
seu caudal de desejos é o rumo
de ser só e sozinho um esquisito.

tenho casa, marília, tenho amores
um cabelo que é alvo de atritos
minha voz, solidão, e as suas cores
é que fazem de mim um esquisito.

fosse eu o poeta mais amado
o poeta de um desejo tal e qual
já teria por tudo transformado
minha veia soldada em carnaval.

romério rômulo

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized.

babel “se eu fosse maradona, 1”

4 Comentários Add your own

  • 1. Mirze Souza  |  29 dezembro, 2010 às 5:32 pm

    AH! ROMÉRIO!

    Tão lindo! Tomara que todos os seus dias cheguem assim destravados..

    E pode transformar sua veia soldada em carnaval!

    Beijos, poeta!

    Mirze

    Responder
  • 2. Mirze Souza  |  29 dezembro, 2010 às 5:34 pm

    Tão lindo, Romério!

    Torcerei para que todos os seus dias sejam destravados.
    E que sua veia soldada seja carnaval!

    Bravíssimo e leve!

    Beijos

    Mirze

    Responder
  • 3. OutrosEncantos  |  29 dezembro, 2010 às 6:08 pm

    Se eu pudesse escrever o sorriso que me chega ao ler-te, talvez tu entendesses o que eu não sei dizer-te. Porque eu acho que
    és destravado mesmo e um encanto de pessoa, mas és sobretudo a imensa sapiência no uso das palavras e na construção dos poemas mais belos que eu leio por aí!

    Abraço, Rómulo 🙂

    Responder
  • 4. Pedro Gabriel  |  31 dezembro, 2010 às 9:16 am

    Romerio, a coisa aqui não é menos boa. Visitemo-nos. Grande abraço. http://www.lituraterre.wordpress.com

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds

dezembro 2010
S T Q Q S S D
« nov   jan »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Top Posts

RSS Fênix em Verso e Prosa

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: