babel

26 dezembro, 2010 at 5:42 pm 4 comentários

trago comigo
uma batalha solta
uma revolta puta
uma babel envolta.

romério rômulo

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized.

falta quando o dia me chega destravado

4 Comentários Add your own

  • 1. Mirze Souza  |  26 dezembro, 2010 às 8:34 pm

    BELEZA, Romério!

    Essa BABEL envolvendo a batalha e a revolta, ficou belíssimo!

    Parabéns, poeta!

    Beijos

    Mirze

    Responder
  • 2. Julio Carvalho  |  27 dezembro, 2010 às 5:48 am

    …tudo isso veio de encontro aos meus desacordos emocionais…

    Responder
  • 3. Maria  |  28 dezembro, 2010 às 1:09 am

    … uma ventania dentro do peito!
    que poema lindo!
    que sentimento imenso!
    beijo.

    Responder
  • 4. Daniela Delias  |  3 janeiro, 2011 às 10:32 pm

    Que bonito!!! Obrigada pela visita, também voltarei!
    Abração!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds

dezembro 2010
S T Q Q S S D
« nov   jan »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

RSS Fênix em Verso e Prosa

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: