moer todo o corpo

31 janeiro, 2010 at 7:21 am 4 comentários

 

deixa o vento pisar na tua alma
faz a pedra moer todo o teu corpo
ri da lua, ismália enlouquecida,
vê a rua cair boquiaberta

se teus vales sonoros regurgitam
de amores vãos, latentes peitos
diz das flores, espaços que evitam
línguas mortas, instantes escorreitos

fala mais de alfa e de ômega.
se valessem as bocas instaladas
na rudeza atroz de alguma entrega
fosse toda a cidade resvalada.

furacão, grosso chumbo de loucura,
sobra o quê de um corpo na tortura?

(moer todo o corpo)

[Per Augusto & Machina]

Anúncios

Entry filed under: Uncategorized.

a vida pela vida se me doa lamber-de

4 Comentários Add your own

  • 1. Adélia Carvalho  |  31 janeiro, 2010 às 10:00 am

    Imagem mais linda essa: “..o vento pisar na tua alma”, me fez voar longe…
    Abraços

    Responder
  • 2. Moacy Cirne  |  31 janeiro, 2010 às 2:40 pm

    Sempre e sempre: ótimo.
    Moer o corpo,
    moendo a palavra.

    Um abraço.

    Responder
  • 3. Adriana Godoy  |  1 fevereiro, 2010 às 9:42 am

    moer o corpo e triturar a alma. belo poema. beijo.

    Responder
  • 4. Hercília Fernandes  |  2 fevereiro, 2010 às 11:54 pm

    Romério,

    vim aqui deixar-me moer em seus versos.
    Belíssimo poema, poetíssimo, como é do feitio de sua criação.

    Beijos,
    H.F.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds

janeiro 2010
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

RSS Fênix em Verso e Prosa

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: