tua imensidão

23 junho, 2008 at 12:32 am 12 comentários

tua face me redime o tempo. o campo
do teu gesto, a fala da tua fala, densamente
me dormem.

Anúncios

Entry filed under: Matéria Bruta.

flores I quero dizer que manuelzão foi boi – VII

12 Comentários Add your own

  • 1. meg  |  23 junho, 2008 às 11:40 am

    Romério,

    Em terços dias
    como hoje,
    sua face de luz se apagou,
    sua voz se calou…
    e a minha tristeza ainda

    não adormeceu
    hoje

    Beijo
    Meg

    Responder
  • 2. Romério Rômulo  |  23 junho, 2008 às 11:45 am

    bonito,meg.
    quem é o autor?
    um beijo.
    romério

    Responder
  • 3. Diego  |  23 junho, 2008 às 7:27 pm

    Romério
    Vim aqui deixar um abraço e parabenizá-lo pelo blog. Excelente. Necessitamos de mais poemas “patriciais”.
    Abcos

    Responder
  • 4. Romério Rômulo  |  23 junho, 2008 às 7:50 pm

    diego:
    aqui tem sido uma mistura de patrícia,scliar e manuelzão.
    como está a fernanda?estou a esperar que ela fique em minha sala.
    um abraço pra vocês.
    romério

    Responder
  • 5. Mário Mendonça  |  23 junho, 2008 às 9:23 pm

    Caro Romério

    É o reconforto,
    do que andavas torto,
    trazendo paz de espírito
    para uma breve saciedade.

    O amanhã, veremos………….

    Responder
  • 6. Diego  |  23 junho, 2008 às 9:34 pm

    Romério
    Estamos bem… obrigado…. Na expectativa…
    Abcos

    Responder
  • 7. lu dias  |  23 junho, 2008 às 9:58 pm

    RR

    Seu blog continua cada vez mais atrativo.
    Nele eu perco a noção do tempo…

    Beijos no coração,

    lu dias

    Responder
  • 8. Romério Rômulo  |  23 junho, 2008 às 10:16 pm

    mário mendonça:
    veremos o amanhã,sem dúvidas.
    um abraço pra você.e obrigado.
    romerio

    Responder
  • 9. Romério Rômulo  |  23 junho, 2008 às 10:18 pm

    diego:
    um abraço para o casal.obrigado.
    romério

    Responder
  • 10. Romério Rômulo  |  23 junho, 2008 às 10:20 pm

    lu:
    se você perde a noção do tempo aqui,é um bom sinal.
    um beijo carinhoso.
    romério

    Responder
  • 11. CRIS LIMA  |  1 outubro, 2008 às 10:40 pm

    LER TUDO AQUI “ME REDIME O TEMPO”….NADA MAIS A DIZER…SE NÃO ADORMECER

    Responder
  • 12. Romério Rômulo  |  1 outubro, 2008 às 11:12 pm

    cris lima:
    com a redenção do tempo,boa noite.
    romério

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds

junho 2008
S T Q Q S S D
    jul »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

RSS Fênix em Verso e Prosa

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: