argumento para patrícia

22 junho, 2008 at 12:10 am 6 comentários

se alguém morder a imagem do meu corpo,
a pele, a carne, o osso e outras mazelas
irá dizer o quanto sou medonho.
o espaço de alavanca do meu olho,
o trilho sincopado de minha trégua
vicejam aos acordados nas manhãs.

se instante fosse luz, quase somente
estado se faria, e eu, entrevado
de voz, escaparia pelas frestas.

o mundo é mundo. eu, bravata
de estalos que sofrem madrugada

Anúncios

Entry filed under: Matéria Bruta.

corpo redemunho quero dizer que manuelzão foi boi – VI

6 Comentários Add your own

  • 1. meg  |  22 junho, 2008 às 11:22 am

    Romério,

    Meggy me disse que todo o poeta é fingidor…
    Hummm… acho que ela está a esconder-me qualquer coisa.
    Poeta fingidor….Será?
    Beijo
    Yma Sumac

    Responder
  • 2. Romério Rômulo  |  22 junho, 2008 às 11:39 am

    meg:
    o poeta é um fingidor,coisa do seu conterrâneo pessoa.me diga
    onde se avalia que finjo.daí,respondo.
    um beijo para yma sumac.
    romério

    Responder
  • 3. meg  |  22 junho, 2008 às 12:38 pm

    Romério

    se alguém morder a imagem do meu corpo,
    a pele, a carne, o osso e outras mazelas
    irá dizer o quanto sou medonho.

    mas há aqui um cheiro de autocomiseração…
    como pode você falar por “alguém”?
    medonho se intitula o meu Poeta…
    porque de “alguém “nem sei que o tenha feito
    o meu Poeta fingiu

    Beijo
    Yma Sumac

    Responder
  • 4. Romério Rômulo  |  22 junho, 2008 às 1:58 pm

    sumac:
    não errei.não fingi.é isso mesmo.
    um beijo.
    romério

    Responder
  • 5. meg  |  22 junho, 2008 às 9:12 pm

    Romério,
    Não liga muito à Yma. É teimosa como mula empacada.
    Ela esquece que está a comentar e não a dissecar.
    Ela não vai ser mais indelicada com você, vai ver!
    Beijos
    Meg

    Responder
  • 6. Romério Rômulo  |  22 junho, 2008 às 11:59 pm

    meg:
    dissecar é muito importante.é significativo pra mim.
    que yma sumac se manifeste.
    um beijo.
    romério

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds

junho 2008
S T Q Q S S D
    jul »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

RSS Fênix em Verso e Prosa

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: