ouro preto, minha

7 junho, 2008 at 12:00 am 5 comentários

vou consultar
os remendos da pele da cidade.
vista sua alma, seu corpo,
já lhe sei das mazelas.
quando olhada,
seu fígado se mostra lavrado por tenazes
de homens insensíveis.

sequer sua moldura foi mantida.
cães, sem ofensa aos cães,
trataram-na como boi morto
a ser comido em voracidade.
pouco lhe sobrou dos caminhos.

cabe saber, se rôta,
sua pele não é descartável.
cabe saber, se quebrados,
seus órgãos mantêm vida
a ser recomposta.

e saber, ao final,
se as mãos escravas que a montaram
terão os olhos daqueles que a habitam.

(per augusto)

Anúncios

Entry filed under: Avulsos. Tags: .

onipresença dos habitantes internos

5 Comentários Add your own

  • 1. meg  |  7 junho, 2008 às 7:22 am

    Caro Romério

    Passei para te ler e deixar meu abraço

    Responder
  • 2. Romério Rômulo  |  7 junho, 2008 às 11:19 am

    meg:
    apareça sempre.como está a nossa turma portuguesa?
    aproveito pra sugerir a leitura do ” fenix em prosa e verso”.
    você vai ver que a renata é fera e merece destaque.
    mais:o “recalcitrante” agora está aí ao lado.
    um abraço fraterno.
    romério

    Responder
  • 3. meg  |  7 junho, 2008 às 11:41 am

    Romério,

    Mas como você está desactualizado!!!

    E ainda não me disse nada daquela “invenção de selo” do seu blog lá na barra lateral, na Recalcitrante.

    Já estive e já estou mesmo na turma da Renata´no Ning, com fotografia e tudo.
    Já tenho a badge de Verso e Prosa…também na minha barra lateral.
    Já tenho o link de Vénus em Verso e Prosa.

    Ah, mas você não olhou mesmo para a Recalcitrante!!!!
    Estou a ficar com ciúmes de seu blog…

    Te peço só 2 minutos para ver a barra lateral da Recalcitrante TODINHA

    Até já publiquei na minha página http://versoeprosa.ning.com/profile/Meggy
    uma brincadeirinha minha que escrevi no ano passado…

    Não ri de mim, que não entendo de poesia, só entendo do que sinto.

    pode visitar-me aqui também…
    http://versoeprosa.ning.com/

    Não esquece de me responder por qualquer meio.

    Amanhã retomo meu trabalho, Romério! Por fim!

    Um abraço amigo

    Responder
  • 4. meg  |  7 junho, 2008 às 11:47 am

    Romério,
    Eu estou nos seus links!!!
    Romério você sabe que eu agradeço do coração, mas não sei se mereço estar entre pessoas com tanto mérito e saber.
    Eu só quero aprender.
    Ah mas hoje te dou um beijo, mesmo!

    Meg

    Responder
  • 5. Romério Rômulo  |  7 junho, 2008 às 12:27 pm

    meg:
    que história é esta de “pessoas com tanto mérito e saber” ?
    a conversa aqui é outra.
    quanto a estar atualizado sobre seus contatos com a renata,me
    desculpe,mas sou um iniciante neste assunto de blog.
    vi a chamada que você faz no “recalcitrante” e gostei.o selo
    ficou muito bom.a arte que a renata produziu com a obra do
    scliar é excelente.já recebi até elogios por telefone sobre esta parte.e no selo esta arte se adensa.
    romério

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds

junho 2008
S T Q Q S S D
    jul »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

RSS Fênix em Verso e Prosa

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: