pontes, ouro preto

4 junho, 2008 at 7:00 pm 4 comentários

as pontes que martelo e que atormento
carregam uma espécie de ungüento
que vila rica deixou em cada delas.

o sujo, o não calado, o renitente
perderam a vida, a mão, a língua, o dente
por discordar do que havia sobre elas.

quantos soberbos sobre as pontes disfarçaram
suas viagens de quem nasceu do ouro
e o ferro em apetite aguçaram.

tiveram, em pindorama, estes senhores
que carregar na consciência, se a tiveram,
o grito amargo das dores que causaram!

(de quantas pontes vive ouro preto?)

Anúncios

Entry filed under: Avulsos. Tags: .

anúncio esplandecido

4 Comentários Add your own

  • 1. meg  |  4 junho, 2008 às 7:31 pm

    Meu querido Amigo,

    Fico muito feliz com a sua ideia de fazer este blog.
    Não venho ainda comentar.
    Venho apenas saudar a sua chegada e esta comunidade, e dizer-lhe que começarei desde já a dá-lo a conhecer aos nossos amigos. Ainda não pensei na forma mais eficaz de o fazer, mas a ideia já está a germinar.
    O maior sucesso para este espaço é o meu desejo sincero, você sabe.

    Um terno abraço

    Resposta
  • 2. carminda pinho  |  5 junho, 2008 às 12:30 am

    Romério,
    muito obrigada, pela atenção que teve em me informar do endereço do seu blog.
    Um blog de um poeta cuja poesia admiro, graças a uma amiga que fez o favor para nós, de o divulgar na blogoesfera.
    Amanhã passarei para comentar, hoje deixo-lhe um abraço e os votos de que este blog seja um êxito.

    Carminda Pinho

    Resposta
  • 3. romerioromulo2  |  5 junho, 2008 às 4:03 pm

    meg:
    estou tentando me tecnologizar.está difícil,mas os apoios são fortes.nossos contactos agora sobem de frequência,o quê é
    positivo.
    meu carinho pra você e demais amigos do “recalcitrante”.
    romério

    Resposta
  • 4. romerioromulo2  |  5 junho, 2008 às 4:05 pm

    carminda pinho:este apoio que me chega de vocês em portugal
    aumenta a disposição.obrigado pela presença e conto com
    você.
    romério

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Feeds

junho 2008
S T Q Q S S D
    jul »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

RSS Fênix em Verso e Prosa

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

%d blogueiros gostam disto: